Primeiras impressões: Chevrolet Camaro SS

24/11/2010 19:15

 

Carros ícones não precisam de uma estratégia de marketing agressiva para fortalecer a imagem de uma marca, ainda mais no segmento de muscle cars. É o caso do Camaro, o emblema mais esportivo da marca Chevrolet, da General Motors, lançado nos anos 60 nos EUA e que agora passa a ser vendido oficialmente no Brasil.

O carro mal acabou de estrear por aqui e teve cerca de 450 unidades encomendadas; destas, mais de 250 já foram entregues. Isso porque, além de se tratar de um mito no mundo das quatro rodas, ele é oferecido pelo preço de R$ 185 mil na versão topo de linha SS, a única disponível no país -o modelo era esperado a R$ 250 mil.

Com o valor estrategicamente bem colocado e um programa de pós-venda que inclui garantia de dois anos, mão de obra e algumas peças grátis nas revisões de 10 mil km e 20 mil km, o que a GM quer é dar continuidade ao processo de fortalecimento da marca Chevrolet, iniciado com o lançamento do SUV Captiva e reforçado pelo sedã Malibu.

A estratégia, então, compensaria a redução da margem de lucro do produto em si. Afinal, para este segmento, a fidelização do cliente e a venda de opcionais têm peso importante na conta. O modelo vem de série com uma avantajada lista de tecnologias, seja de segurança ou conforto, e acabamento rebuscado. Por isso, os opcionais apelam para algo de que o público-alvo faz questão, a personalização.

 

 

 

FONTE: globo.com